Fotos: a verdadeira carne do fast-food

Comer bem não é comer muito, é comer com qualidade. Geralmente, isso significa passar bem longe de fast-food. Já até falei nesse post aqui sobre alimentos que parecem saudáveis e não são – e tem muita gente por aí passando pra frente essa mensagem.

Umas dessas pessoas é o fotógrafo texano Peter Augustus: ele passou dois anos em Hong Kong, na China, e ficou impressionado com os açougues que exibem suas peças de carne nas vitrines do mesmo jeito que os animais foram abatidos: inteiros e sujos de sangue, sem ter passado pelos processos de limpeza que costumamos ver no ocidente.

Daí surgiu a ideia de criar uma série de fotos chamada “Mystery Meat”, que quer provocar as pessoas a pensarem na origem do que comem.

b

d

c

a

Eca.

(fonte)

Anúncios